sábado, 28 de fevereiro de 2009

ICLM

Para quem já não se lembrava recordar e para quem se recorda, matar saudades...

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Benson Park - Esculturas

Isto é arte. Perdoem-me os "modernistas".
O Benson Sculpture Park, na cidade de Loveland, Colorado oferece uma bela e única visita ao ar livre a obras de escultura. Todos os anos no mês de agosto acontece o evento Esculturas no Parque, promovido pelo Loveland High Plains Arts Council que é uma instituição privada, sem fins lucrativos, criada em 1984 com o propósito de promover a arte escultural, visando benefícios culturais e económicos para a comunidade. O foco principal continua a ser a promoção e patrocínio do evento anual Esculturas no Parque. Os recursos obtidos anualmente com o evento passam a ser parte integrante de um fundo para aquisição de novas esculturas e melhoramentos no parque.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

O BAILE DE MÁSCARAS

Amanhã, apesar de em alguns locais se realizarem algumas iniciativas carnavalescas, voltamos ao nosso verdadeiro Carnaval, o dia a dia. Talvez não concordem comigo, mas voltamos ao quotidiano e real Baile de Máscaras. Vejamos alguns exemplos.
Muitos de nós temos uma forma de estar na profissão assente num enorme movimento e uma baixa realização, o que eu chamo agitação improdutiva. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de incansáveis produtivos.
Muitos de nós falamos, falamos e não dizemos nada. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de carismáticos eloquentes.
Muitos de nós adoptamos comportamentos autoritários. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de bom líder.
Muitos de nós produzimos discursos populistas. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de populares.
Muitos de nós adoptamos comportamentos de indiferença. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de atentos e tolerantes.
Muitos de nós somos arrogantes. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de confiantes e assertivos.
Muitos de sós somos dados a habilidades e manhas. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de criativos e flexíveis.
Muitos de nós somos teimosos. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de persistentes.
Muitos de nós somos incapazes de mudar algo em nós. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de coerentes.
Muitos de nós assumimos comportamentos de subserviência. No entanto, esperamos que nos vejam com uma máscara de boa pessoa e conciliadora.
Durante o Carnaval temos a oportunidade de trocar de máscaras. Esperamos que nos vejam com uma máscara de pessoa feliz e divertida.

Texto de Zé Morgado (Blog: Atenta Inquietude)

sábado, 21 de fevereiro de 2009

Wafa Sultan - psicóloga de origem islamita

Maiakovski

Poeta russo "suicidado" após a revolução de Lenine… escreveu, ainda no início do século XX :

Na primeira noite, eles aproximam-se
e colhem uma flor do nosso jardim.
E não dizemos nada.
Na segunda noite, já não se escondem,
pisam as flores, matam o nosso cão.
E não dizemos nada.
Até que um dia, o mais frágil deles,
entra sozinho em nossa casa,
rouba-nos a lua,e, conhecendo o nosso medo,
arranca-nos a voz da garganta.
E porque não dissemos nada,
já não podemos dizer nada.

Depois de Maiakovski…
Primeiro levaram os negros,
Mas não me importei com isso,
Eu não era negro.
Em seguida levaram alguns operários,
Mas não me importei com isso,
Eu também não era operário.
Depois prenderam os miseráveis,
Mas não me importei com isso,
Porque eu não sou miserável.
Depois agarraram uns desempregados,
Mas como tenho o meu emprego,
Também não me importei.
Agora estão me levando
Mas já é tarde.
Como eu não me importei com ninguém
Ninguém se importa comigo.
Bertold Brecht (1898-1956)

Sem querer

Amor não é o que queremos sentir e sim o que sentimos sem querer.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Quadras antigas com plena actualidade

Sei que pareço um ladrão...
mas há muitos que eu conheço
que, sem parecer o que são,
são aquilo que eu pareço.

Tu que tanto prometeste
enquanto nada podias
hoje que podes - esqueceste
Tudo o que prometias...

Vós, que lá do vosso Império
prometeis um mundo novo,
calai-vos, que pode o povo
Querer um Mundo novo a sério.

António Aleixo - Poeta do povo

Para meditar

“A rã que não sabia que estava sendo cozinhada.
Imagine uma panela cheia de água fria na qual, nada tranquilamente, uma pequena rã. Um pequeno fogo debaixo da panela e a água aquece muito lentamente. Pouco a pouco, a água fica morna e a rã, achando isto bastante agradável, continua a nadar.A temperatura da água continua subindo. Agora a água está quente, mais do que a rã pode apreciar, sente-se um pouco cansada, mas não obstante, isso não a assusta. Agora a água está realmente quente e a rã começa a achar desagradável, mas está muito debilitada, então aguenta e não faz nada.A temperatura continua a subir, até que, a rã acaba simplesmente cozida e morta.Se a mesma rã tivesse sido lançada directamente na água a 50 graus, com um golpe de pernas teria pulado imediatamente da panela.
Isto mostra que, quando uma mudança acontece de um modo suficientemente lento, escapa à consciência e não desperta, na maior parte dos casos, qualquer reacção, oposição, ou revolta. Se nós olharmos para o que tem acontecido em nossa sociedade, durante algumas décadas, podemos ver que nós estamos sofrendo um lento modo de viver ao qual nós nos acostumamos.Uma quantidade de coisas que nos teriam horrorizado há 20, 30 ou 40 anos atrás, foram pouco a pouco banalizadas e hoje elas perturbam ou apenas deixam completamente indiferente a maior parte das pessoas. Em nome do progresso, da ciência e do lucro são efectuados ataques contínuos às liberdades individuais, á dignidade, á integridade da natureza, á beleza e á alegria de viver, lentamente mas inexoravelmente, com a constante cumplicidade das vítimas, desavisados e agora incapazes de defender-se. As previsões para nosso futuro, em vez de despertarem reacções e medidas preventivas, não fazem outra coisa a não ser a de preparar psicológicamente as pessoas a aceitarem algumas condições de vida decadentes, aliás dramáticas. O martelar contínuo de informações dos média satura os cérebros que não podem distinguir mais as coisas...Quando eu falei pela primeira vez destas coisas, era para um amanhã. Agora, é para hoje!!! Consciência ou cozinhado, é preciso escolher!
Então... se você não é, como a rã, já meio cozido, dê um golpe de pernas, antes que seja muito tarde.
NÓS JÁ ESTAMOS MEIO-COZIDOS! OU NÃO?"
Olivier Clerc

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Lisboa ao cair do dia


video

Créditos no próprio filme

Pensamento do dia

Sendo a velocidade da luz superior à velocidade do som, é perfeitamente normal que algumas pessoas pareçam brilhantes até abrirem a boca.
Autor desconhecido

PÚBLICO - Luis Afonso


sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Pensamentos

«Instrução aos mais capazes, lugar aos mais competentes, trabalho a todos, eis o essencial».

«É natural que alguns homens educados para a luta puramente política, as especulações demagógicas, as exaltações emocionais das massas populares, e por esse motivo propensos a reduzir a vida da Nação à agitação própria e das forças partidárias que lhes restam, não tenham revelado compreensão nem dado mostras de adaptar-se. Mas a Nação que faz livremente a vida que quer, a Nação viva e real, essa, comparando passado e presente, olha com certa desconfiança o zelo destes apóstolos da liberdade».

«O pior é pensar-se que se pode realizar qualquer política social com qualquer política económica; que se pode erguer qualquer política económica com qualquer política financeira».

António O. Salazar

Os donos do capital vão estimular a classe trabalhadora a comprar bens caros, casas e tecnologia, fazendo-os dever cada vez mais, até que se torne insuportável. O débito não pago levará os bancos à falência, que terão que ser nacionalizados pelo Estado".

Karl Marx, Das Kapital, 1867 (qualquer semelhança não é mera coincidência)

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Citação

Sorte teve o Ali-Babá:
Não viveu em Portugal e só conheceu 40 ladrões.
Autor desconhecido

sábado, 7 de fevereiro de 2009

Gigliola Cinquetti - Dio come ti amo

video
As pessoas mais felizes nem sempre têm o melhor de tudo, mas sabem aproveitar o melhor de tudo o que têm.
Anónimo

Minhas fotos


Estoril panorâmico

Pensamentos

Uma pessoa que é boa com você, mas grosseira com o garçom, não pode ser uma boa pessoa.

Não confunda nunca sua carreira com sua vida.

Seus amigos de verdade amam você de qualquer jeito

Nunca tenha medo de tentar algo novo. Lembre-se de que um amador solitário construiu a Arca. Um grande grupo de profissionais construiu o Titanic.

Luis Fernando Verissimo

Minhas fotos



quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

São Valentim


Origem do Dia de S. Valentim
São Valentim, (ou Valentinus em latim), é um santo católico que dá nome ao Dia dos Namorados em muitos países, onde celebram o Dia de São Valentim. O nome refere-se a pelo menos três santos martirizados na Roma antiga.
Durante o governo do imperador Cláudio II, este proibiu a realização de casamentos em seu reino, com o objectivo de formar um grande e poderoso exército. Cláudio acreditava que os jovens se não tivessem família, alistariam-se com maior facilidade. No entanto, um bispo romano continuou a celebrar casamentos, mesmo com a proibição do imperador. Seu nome era Valentim e as cerimónias eram realizadas em segredo. A prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte. Enquanto estava preso, muitos jovens jogavam flores e bilhetes dizendo que os jovens ainda acreditavam no amor. Entre as pessoas que jogaram mensagens ao bispo estava uma jovem cega: Asterias, filha do carcereiro a qual conseguiu a permissão do pai para visitar Valentim. Os dois acabaram apaixonando-se e milagrosamente a jovem recuperou a visão. O bispo chegou a escrever uma carta de amor para a jovem com a seguinte assinatura: “de seu Valentim”, expressão ainda hoje utilizada. Valentim foi decapitado em 14 de Fevereiro de 270.
In Wikipédia

As diferenças



Procure as diferenças

Citação

Ninguém pode fazer que te sintas inferior sem o teu consentimento.
Eleanor Roosevelt

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Minhas fotos




Citação

As duas faces da Ambição
A ambição é como a bílis, humor que torna os homens activos ardentes, cheios de alacridade, e movimentados, se não for obstruída. Mas se for obstruída e não tiver curso livre, começa a ser adusta e portanto maligna e venenosa. Assim também os homens ambiciosos, se encontram caminhos abertos para a sua ascensão e continuam a progredir, são mais negociosos do que perigosos; mas se forem contrariados nos seus desejos, tornam-se secretamente descontentes, e projectam mau-olhado sobre os outros homens e sobre as coisas; alegram-se apenas quando as coisas correm mal, o que é a pior condição no servidor de um príncipe ou de uma república.
Francis Bacon, in 'Ensaios - Da Ambição'

domingo, 1 de fevereiro de 2009